Invictos, Soares e Murray jogam pela vaga na decisão neste sábado

Início    /    Tênis    /    Invictos, Soares e Murray jogam pela vaga na decisão neste sábado
Por Raphael Favilla  •  17 de Novembro de 2018

Bruno Soares e Jamie Murray terminaram a fase de grupos do ATP Finals invictos. A primeira dupla a se classificar para as semifinais do torneio que reúne as oito melhores duplas da temporada na Arena O2, em Londres, derrotou os atuais campeões Henri Kontinen e John Peers de virada, com parciais de 3/6 7/6(3) 10-3.

Inicialmente programados para enfrentar Nikola Mektic e Alexander Peya, Bruno e Murray viram seus adversários serem trocados no dia anterior. Peya desistiu da competição por lesão no cotovelo, com a dupla sendo substituída por Henri Kontinen e John Peers.

"Estou super feliz. Conseguimos fechar o grupo com 100% de aproveitamento e jogando bem, com confiança. E agora é mais uma oportunidade de jogar semifinal aqui, já é a minha quarta. Mas vale lembrar que nas três vezes que caí na semifinal, eu também me classifiquei em primeiro no grupo. Ou seja, num torneio como esse, isso não diz nada. Quem vai pra semifinal está jogando muito", disse Soares, reconhecendo a dificuldade dos futuros adversários.

É a terceira semifinal consecutiva que a dupla disputa no ATP Finals. Classificados em primeiro lugar no Grupo Llodra/Santoro, Bruno e Jamie enfrentarão a dupla formada pelos norte-americanos Mike Bryan e Jack Sock, que perdeu para os franceses Pierre-Hugues Herbert e Nicolas Mahut por 2 sets a 0, com um duplo 6/2, e ficaram em segundo lugar no Grupo Knowles/Nestor.

O jogo de Bruno Soares e Jamie Murray contra os rivais norte-americanos será o primeiro neste sábado, a partir das 10 horas (de Brasília), na O2 Arena. O duelo entre Pierre-Hugues Herbert e Nicolas Mahut contra Robert Farah e Juan Sebastian Cabal terá início às 16 horas.

Soares e Murray estão disputando o ATP Finals pelo terceiro ano consecutivo. Semifinalistas na última edição, o time duas vezes campeão de Grand Slams busca superar seu melhor desempenho no último torneio do ano. Em 2018, a dupla foi campeã em três oportunidades, levantando os troféus no Masters 1000 de Cincinnati e nos ATPs 500 de Washington e Acapulco. Além dos três títulos no ano, Bruno e Murray também foram vice-campeões em Xangai, Queen's e Doha.

Publicidade