Osaka vence e terá Bencic nas oitavas

Início    /    Tênis    /    Osaka vence e terá Bencic nas oitavas
Por Raphael Favilla  •  12 de Março de 2019

A número um do mundo Naomi Osaka não teve dificuldades para vencer a norte-americana Danielle Collins em Indian Wells. A atual campeã no deserto da Califórnia avançou em sets diretos, parciais de 6/4 e 6/2, em 1h24 de duelo nesta segunda-feira.

Com bom aproveitamento em seu primeiro serviço, onde conquistou 71% dos pontos tentados, Osaka focou seu jogo, principalmente, no fundo de quadra, com bolas rápidas. 

O set inicial da partida foi o mais equilibrado e decidido nos detalhes. Osaka conseguiu a primeira quebra, mas imediatamente permitiu o empate por 2/2 e ainda perdeu três chances de retomar rapidamente a vantagem. Após um período de domínio das sacadoras, a japonesa voltou à liderança no placar apostando em uma consistente construção dos pontos e sustentando longos ralis. Sacando para o set, a líder do ranking aproveitou muito bem a chance. Ela fez 15 em winners no set e terminou a parcial com 17 erros contra 13 da rival.

No segundo set, Osaka foi dominante. A japonesa não enfrentou break points e cedeu apenas sete pontos em seus games de serviço. Collins, por sua vez, acabou permitindo duas novas quebras à número 1 do mundo, que não correu mais riscos até o fim do jogo. A japonesa terminou a partida com 29 winners contra apenas 11 da norte-americana, além de cometer apenas um erro a menos que a jogadora da casa, 21 contra 22 de Collins.

Osaka terá nas oitavas um interessante duelo contra a suíça Belinda Bencic, jovem de 22 anos e 23ª do ranking, que venceu a russa Ekaterina Alexandrova por 6/4 e 6/2 em apenas 1h06 de partida. Ex-número 7 do mundo, Bencic conquistou há duas semanas o Premier de Dubai, eliminando pelo caminho jogadoras como Simona Halep, Elina Svitolina, Aryna Sabalenka e Petra Kvitova.

O duelo entre Osaka e Bencic reúne as jogadoras que venceram os títulos mais importantes deste início de temporada. Isso porque a japonesa conquistou os 2 mil pontos do Australian Open em janeiro, antes de a suíça receber 900 pontos pela conquista nos Emirados Árabes. Ambas nascidas em 1997, as duas jovens jogadoras só se enfrentaram uma vez, ainda em 2013, com vitória de Osaka em um ITF norte-americano no saibro de Pelham.


Publicidade