Paulo Roberto Falcão acompanha Juvenil de Porto Alegre

Início    /    Tênis    /    Paulo Roberto Falcão acompanha Juvenil de Porto Alegre
Por Raphael Favilla  •  27 de Fevereiro de 2018

O Rei de Roma e uma das lendas do futebol brasileiro, o gaúcho Paulo Roberto Falcão, marcou presença nesta segunda-feira na Associação Leopoldina Juvenil acompanhando o primeiro dia de competições da categoria mundial da 35ª edição do Campeonato Internacional Juvenil de Tênis de Porto Alegre, também conhecida como Copa Gerdau - Itaú, que tem o apoio da Lei de Incentivo ao Esporte – Ministério do Esporte – Governo Federal do Brasil de Tênis. O torneio é um dos nove maiores do mundo.

Sentado na piscina em frente às quadras conversando com amigos, Falcão atendeu a organização e contou sua relação com o tênis. Grande figura do Internacional, tricampeão brasileiro na década de 70, ele pratica o esporte há muito tempo, desde a época que jogava pela Roma, clube italiano onde fez muito sucesso conquistando o titulo nacional em1983.

"Já jogo há muito tempo, sempre que posso bato minha bolinha, poderia dizer que é meu segundo esporte, logo após o futebol obviamente. Sempre que posso dou um pulinho aqui para jogar e acompanho com frequência o Campeonato Internacional Juvenil de Tênis", disse Falcão que é fã de Roger Federer: "Ele é um ícone não só do tênis, mas também do esporte como um todo, uma referência. Confesso que se tem um jogo de futebol que não está muito bom e estou assistindo e tem um jogo do Federer ao mesmo tempo eu dou uma zapeada na televisão para ver um pouco do Federer", diz em tom de brincadeira.

Falcão não gosta de jogar tênis apenas por hobbie. Diante de uma carreira de tanta competição ele já participou algumas vezes de torneios Seniors, incluindo o Seniors Internacional, a Copa Yone Borba Dias, realizada na Leopoldina Juvenil, e já foi vice-campeão e fez uma semifinal ao lado do ex-tenista Ennio Moreira, que é o diretor do Campeonato Internacional Juvenil de Tênis de Porto Alegre desde sua criação na década de 80.

"O Ennio me levou nas costas nesses torneios, não é ? (risos) Jogamos muito juntos, muito prazeroso disputar competições. Sempre que podemos jogamos juntos", seguiu Falcão.

Na última temporada da dupla não pode se repetir por conta de um problema no joelho de Ennio: "Conheci o Falcão quando ele voltou da Itália e retornou para Porto Alegre, nos encontravamos nos torneios e surgiu a possibilidade de jogarmos juntos, jogamos em quatro eventos, inclusive no Seniors Internacional que organizamos há mais de 30 anos. Fomos vice e semifinais. Jogamos também outro torneio tradicional aqui no Leopoldina. Ele é uma pessoa muito inteligente, altamente competitivo, joga um bom tênis apesar de ter começado tarde. Ele tem uma colocação muito boa em quadra, reflexo muito rápido, movimentação, é bem elástico, busca bolas que os jogadores que aprenderam de pequeno não conseguem",aponta Ennio: "Se meus joelhos permitirem vamos repetir essa parceria. Vou procurar resolver o meu problema para voltar a jogar com ele".

A 35ª edição do Campeonato Internacional Juvenil de Tênis de Porto Alegre, também conhecida como Copa Gerdau - Itaú, tem o recorde de 59 países inscritos e conta com a participação de quatro jogadores do top 10 mundial, três no masculino e uma no feminino.

São cerca de mil atletas na disputa de todas as categorias do evento. A entrada é gratuita nos dois clubes da disputa.

Publicidade