Tsonga fatura primeiro título após grave lesão

Início    /    Tênis    /    Tsonga fatura primeiro título após grave lesão
Por Raphael Favilla  •  10 de Fevereiro de 2019

Depois de um 2018 difícil, em que precisou fazer uma cirurgia que o deixou fora das quadras por um bom tempo, o francês Jo-Wilfried Tsonga voltou a ter bons momentos no mundo do tênis. Neste domingo, o ex-top 5 e atual 210 do mundo conquistou o título do ATP 250 de Montpellier ao bater seu compatriota Pierre-Hugues Herbert por 2 sets a 0, parciais de 6/4 e 6/2, em 1h13 de partida.

Esse é o 17º troféu da carreira de Tsonga, que não sagrava-se campeão de um torneio desde 2017, quando foi campeão em Viena.

O primeiro set foi disputadíssimo. Com os tenistas sacando com firmeza, foram apenas duas chances de quebra em toda parcial. Ambas para Tsonga, que não desperdiçou a oportunidade de ouro. Conquistando o break no nono game, serviu para o set e fechou em 6/4.

Embalado com a vitória na parcial anterior, Tsonga dominou Herbert no restante do jogo. Ganhando 100% dos pontos com o primeiro serviço, o experiente francês obteve duas quebras ao longo do set, fechou em 6/2 e conquistou o título do Open Sud de France.

Como foi semifinalista no ano passado, Tsonga defendeu 90 dos 250 pontos conquistados nesta semana em Montpellier. Dessa forma, o veterano francês ainda não conseguirá voltar ao top 100 e deverá aparecer por volta da 140ª posição do ranking da próxima segunda-feira.

Dos cinco jogos que Tsonga fez em Montpellier, quatro foram contra franceses. Além da final diante de Herbert, ele também passou pelo convidado de 20 anos Ugo Humbert na estreia, e pelos experientes Gilles Simon e Jeremy Chardy nas oitavas e quartas de final. O único adversário de fora da França no caminho para o título foi o moldavo Radu Albot, superado por Tsonga na semifinal.

Por sua vez, Herbert ainda busca seu primeiro título de simples na ATP. O jogador de 27 anos está com o melhor ranking da carreira, ao ocupar o 44º lugar e disputou sua terceira final na elite do circuito, somando o resultado de hoje com os vice-campeoantos de Winston Salem em 2015 e Shenzhen no ano passado. Nas duplas, entretanto, Herber é o atual número 4 do mundo e recentemente completou o Career Grand Slam ao lado de Nicolas Mahut depois de conquistar o Australian Open.


Publicidade